Working paper 96 available now!

Closed Season e Seguro-Defeso: Análise de Incentivos e Avaliação de Impacto

 

Artur Henrique da Silva Santos (UnB)

Maurício Soares Bugarin (UnB)

Paulo Roberto Amorim Loureiro (UnB)

  Resumo

Pagar pescadores para que não trabalhem pode preservar espécies aquáticas ameaçadas? Ou somente proibir a pesca é suficiente? No Brasil, o governo realiza as duas políticas buscando preservar espécies em vulnerabilidade. Apesar de existir mais de 200 normativos de proibição de pesca e gastar cerca de R$ 18 bilhões entre 2002 e 2017 com o “seguro-defeso”, não existe trabalho na literatura que avalie o impacto dessa política. Visando suprir essa lacuna e trazer mais luz ao debate sobre a efetividade da ação do estado na economia e no meio ambiente, este trabalho analisa os incentivos criados ao pescador e avalia o impacto da política de proibição de pesca e do pagamento do seguro-defeso sobre a decisão de trabalho do pescador e sobre os estoques pesqueiros. A análise teórica encontra incentivos para redução da pesca no período de defeso, proveniente da proibição de pescar associada com fiscalização e sanção.  Teoricamente, o seguro-defeso reforça esse efeito. Por fim, essa política também estimula o pescador a trabalhar em outra atividade durante a proibição. A avaliação de impacto estima redução de 43% de pesca durante a proibição. Melhorando a reprodução das espécies, aumenta-se a produção de pesca em quase 3 vezes fora do período de defeso. Quanto ao seguro-defeso, um aumento de 1% no gasto tem um efeito pequeno de 4% na redução da pesca. Ademais, há indício de que um aumento de 1% no gasto do benefício ao pescador artesanal aumente a produção industrial de cerca de 3% na mesma época. Isso sugere uma evidência estatística de que o pescador artesanal esteja trabalhando em outras atividades no período de defeso.

Palavras-chave: seguro-defeso, análise de incentivos, avaliação de impacto de políticas públicas, proibição da pesca, gestão da pesca.

 

The Economics and Politics Research Group started publishing its working papers on June 12, 2013. Please check here every week for a new working paper.

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s